Parceria com o Assembleia de Carinho garante beneficiar Santa Casa de Itabuna

Em celebração aos 100 anos de fundação da Santa Casa de Misericórdia, uma emenda federal vai beneficiar os três hospitais da entidade.

O slogan “atitude que transforma”, do instituto social da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), o Assembleia de Carinho, vem sendo colocado em prática nos últimos nove meses com ações diversas, desde convênios firmados entre a ALBA e instituições, até ações pontuais com entidades parceiras.

Desta vez, a coordenadora do instituto, Eleusa Coronel e o presidente da ALBA, deputado Angelo Coronel (PSD), anunciaram nesta quinta-feira (14), em visita a Itabuna, no extremo sul do Estado, uma emenda federal do deputado Irmão Lázaro (PSC), solicitada em parceria com o deputado estadual Augusto Castro (PSDB), no valor de R$600.000,00, que beneficiará o complexo de hospitais que compõem a Santa Casa de Misericórdia do município, em comemoração aos 100 anos de fundação da entidade.

O complexo é formado por três unidades, o Hospital São Lucas, que atende 100% de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), o Calixto Midlej Filho, especializado em cirurgia e clínica geral para adultos e o Manoel Novaes, que além da maternidade, possui UTIs neo natal e pediátrica, uma referência na região. Os dois últimos foram visitados hoje pela comitiva da ALBA.

No Hospital Calixto, Eleusa Coronel entregou a emenda nas mãos do provedor da Santa Casa, dr. Eric Ettinger de Menezes, que afirmou o quanto os recursos serão úteis aos hospitais. Segundo ele, os três hospitais atendem 70% SUS e 30% de convênios. No total, são 421 leitos que recebem pacientes de 23 municípios do sul do estado.

“A gente fica muito feliz em receber isso porque apesar da gente ter uma estrutura que beneficia a região, estamos longe de Salvador e era difícil ver crianças sem CTI, principalmente para o atendimento de oncologia pediátrica. Essa ajuda vai beneficiar muito o suporte pediátrico da nossa região”, explicou a dra. Teresa Cristina Fonseca, pediatra e oncologista da Santa Casa.

“Fizemos uma força-tarefa em Brasília e agora a Santa Casa está pronta para receber esses recursos, que Lázaro em parceria com a Assembleia de Carinho estão contribuindo. Eu tenho certeza que este ano, vamos conseguir bons resultados”, afirmou o deputado Augusto Castro.

Presidente Angelo Coronel, salientou a importância dos recursos para o complexo de hospitais e reafirmou seu compromisso com o extremo sul do estado. “Estão todos aqui em irmandade, imbuídos em fazer uma saúde de qualidade para a população aqui da região e eu como presidente da Assembleia não poderia deixar de me comprometer em ajudar no presente e no futuro”, assegurou.

Já no Manoel Novaes, Coronel garantiu que vai batalhar junto ao governo do estado, pelo pleito dos dirigentes do hospital, que solicitam a implantação do parto humanizado na maternidade.

A presidente do Assembleia de Carinho conheceu ainda a unidade do Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC), que funciona no hospital e atende os pacientes oncológicos pediátricos de toda a região. “É uma honra e um prazer estar aqui e conhecer esse trabalho. Nós ficamos mais felizes ainda em poder contribuir de alguma forma, pois é emocionante ver tantas crianças atendidas aqui no hospital. Que essa emenda venha trazer muitas benfeitorias e que essas crianças todas saiam daqui com muita saúde”, disse Eleusa, emocionada.

“As nossas dificuldades são imensas, falta praticamente tudo no nosso dia a dia, então desde pessoal para trabalhar, até equipamentos e insumos, qualquer ajuda é muito bem-vinda e nos deixa muito felizes porque vamos conseguir dar uma melhor assistência, que é o que a gente quer”, declarou a diretora técnica do Manoel Novaes, Fabiane Chavez.

HAM

Durante participação ao vivo no Programa Balanço Geral da TV Cabrália, com o apresentador Tom Ribeiro, Eleusa Coronel fez um pedido aos prefeitos da região para aderirem à campanha em prol do Hospital Aristides Maltez (HAM) em Salvador, que atende pacientes de toda a Bahia em tratamento contra o câncer. A campanha estabelece um convênio de cada prefeitura no valor de R$1.100,00, revertidos diretamente para o  tratamento dos pacientes da Liga Baiana Contra o Câncer (LBCC), entidade mantenedora do HAM. Até agora, quase 120 dos 417 municípios baianos aderiram à iniciativa.